01/10/2014

Som da Sonda Sonar

Fecho os olhos e danço, na escuridão do sentido humano vejo-me em completo detalhe e perfeição com movimentos claros e precisos, sinto-me em desinibição e liberdade de expressão e encontro na solitária sala de espelhos a profunda sensibilidade de poder ser um sonho.

Sentado e em movimento crio no movimento da paisagem pela janela um mundo em que sou protagonista de uma música perfeita, em que posso andar em compassos, abrir a boca e cantar, gesticular a batida que pulsa e agita, chorar de felicidade sem questionamentos, dar beijos e distribuir abraços como se perfeito fosse à aceitação do amor fraterno ou passional.

Pink em apresentação ao vivo da música "Try"
Entramos no cenário agressivo natural.. então a sintonia do som nos muda a feição, batemos o pé e peitamos a situação com coragem de quem resolve problemas e não como quem cria a partir disso um cinismo para prolongar o que não tem necessidade; soltamos o impulso do conhecimento de quem já viveu para saber que não se precisa ser preciso e então somos quem somos, com som ou sem tom na procura de uma melodia representativa.
Postar um comentário