04/08/2016

Doando suas Inspiração

As navalhas foram inspiradas em teus olhos, em inspiração passam rente aos meus ouvidos, deslizada por minha nuca percorre meu rosto, na utilidade de sua criação faz forma, deixa-me limpo e visto com bons olhos. Na incoerente e já criada forma, degola, corta a jugular, aumenta um sorriso vermelho de dor, a mente que inspira também transforma a utilidade em dor por vontade ou vingança.

Um olhar afiado no trauma de suas paixões sem futuro; o sem futuro é o melhor amolador.

Ainda em sua boa existência o contato trás arrepio, ainda que sem emoção, no descuido fere porque lâminas são lâminas. De tudo que se possa tirar da inspiração de seus olhos, a incerteza das intenções é o ponto alto da criação de cada par existente.

Cena do filme: "Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet"